Buscar
  • EJECart

5 passos para realizar o Georreferenciamento na sua propriedade rural

Primeiramente é importante saber o porquê você precisa realizar o georreferenciamento em sua propriedade rural. O georreferenciamento é exigido pelo Cartório de Registro Imobiliário e pelo INCRA (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) no ato de venda ou compra de terras, assim como para o desmembramento e remembramento (incorporação) de propriedades. Transferências de titularidade de imóveis “de pai para filho”, por exemplo, também necessitam dessa regularização.

Sendo assim, o georreferenciamento é importante no comercio imobiliário rural, uma vez que um imóvel georreferenciado pode ter maior valorização, tendo em vista que está apto a ser comercializado, ou seja, sem entraves.

Segundo o INCRA, a execução do georreferenciamento permitirá que daqui a uma geração o país conheça toda sua malha fundiária.

Agora que você já sabe a importância de regularizar a sua propriedade rural através do georreferenciamento, vamos listar quais são as 5 etapas que deverão ser realizadas para ter uma propriedade rural regularizada.

1º: Você precisará de uma empresa ou profissional habilitado para realizar o serviço de Georreferenciamento, que segundo o INCRA são: Engenheiros Agrimensores; Engenheiros Cartógrafos; Arquitetos e Urbanistas; Tecnólogos e Técnicos nestas modalidades.

2º: Essa empresa ou profissional irá realizar um levantamento de campo georreferenciado da sua propriedade rural e, as coordenadas das divisas coletadas durante o levantamento serão enviadas posteriormente ao INCRA através da plataforma do SIGEF, para que o INCRA valide o trabalho realizado.

3º: Caso esteja tudo dentro dos conformes o INCRA irá gerar planta topográfica e memorial descritivo da propriedade. Além destes, também serão necessários a planta e memorial descritivo feito pelo profissional que realizou o levantamento.

4º: Você também precisará de anuências assinadas por todos os confrontantes (vizinhos) da sua propriedade, esses documentos irão atestar que todos os vizinhos estão de acordo com os limites e confrontações representados no levantamento realizado.

5º: E por fim, você precisará ir ao seu cartório de registro de imóveis, com toda a documentação necessária: memorial e planta gerados pelo INCRA, manual e planta gerados pelo profissional contratado, e anuências assinadas pelos confrontantes. E prontinho, o cartório irá regularizar o seu imóvel rural e ele estará cadastrado na base de dados do INCRA.

E você? Tem interesse em realizar um Georreferenciamento conosco? Não perca tempo, entre em contato conosco via chat ou pelo nosso e-mail: contato.ejecart@gmail.com e solicite um orçamento.

Quer saber mais detalhes sobre a EJECart? Baixe o nosso e-book pelo link abaixo.








69 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo